Corte de verbas feito pelo governo inviabiliza combate ao trabalho escravo e infantil

Comunicação IOS

O governo impôs ao Ministério do Trabalho um corte de recursos que afetará  diretamente o combate ao trabalho escravo, infantil, à informalidade e a outras violações de direitos. Nessa semana, diversos veículos de imprensa noticiaram o contingenciamento de recursos de 70% nas verbas da área da fiscalização do trabalho previstos no orçamento de 2017.  Em resposta às notícias, o Ministério do Trabalho emitiu nota negando a paralisação da fiscalização.

Páginas